Livro: Where There’s a Will

Nero Wolfe é chamado para resolver um problema de família.

Mas o que vai dar mais trabalho nesse caso é o status da família em questão: todos os membros da família Hawthorne são de alguma forma célebres na alta sociedade.
April é uma atriz renomada.
May é a intelectual, presidente de uma faculdade.
June é a esposa de um político poderoso.
E o irmão mais velho, Noel Hawthorne, que morreu em um acidente recentemente, era um membro bastante influente também do governo.

E o que aconteceu foi o seguinte.
Noel tinha uma fortuna considerável. O testamento dele deixou uma maçã para cada uma das irmãs e todo o resto da sua fortuna para a Srta. Naomi Karn, deixando sua esposa sem nada.

As famosas irmãs querem que Wolfe convença a Sra. Hawthorne – uma mulher amarga que vive andando por aí com um véu escondendo o rosto desfigurado pelo marido por acidente – a fazer um escândalo na mídia. A familia Hawthorne não deve se envolver em escândalos.

Mas logo que Wolfe decide tomar parte no caso e tentar convencer a Srta. Karn a devolver parte do dinheiro e a convencer a Sra. Hawthorne a não processá-la, o Inspetor Cramer chega para estragar a festa e dizer que Noel Hawthorne não morreu por acidente coisa nenhuma, foi assassinado e os suspeitos são os membros da família.

E aí começa a diversão.

Porque Wolfe e seu assistente Archie vão até a casa do Secretário de Estado, marido de June, onde a família estava reunida para um almoço sem graça no dia em que Noel morreu no que não é mais considerado um acidente de caça.
Mas todos os membros da família se consideram privilegiados demais para dizer a verdade, e falsificam provas como quem bebe um copo d´água.
As irmãs são um caso à parte, cada uma com sua personalidade forte e nenhuma disposta a ceder um milímetro quando é a honra da família que está em jogo.

Um romance policial bem divertido, esse livro é um dos bons da série do Nero Wolfe.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *