Livro: Inocente Feiticeira

Aí eu resolvi tentar ler um dos romances melecosos históricos. E a Bia tinha razão, viu? Gostei bem mais.
Não que a situação não seja inverossímil (é!), mas o romance desse livro é bem mais bonitinho do que do tal Táticas de Sedução.
Ela é sobrinha de um lorde inglês; ele é um senhor de terras escocês.
Só que, além de ambos terem poderes sobrenaturais (ele tem premonições e ela consegue curar as pessoas), ele foi acusado de assassinato por um primo que roubou seu castelo e ela é constantemente espancada pelo tio.
No barco onde se conhecem, ele tem uma premonição de que ela vai cair na água durante uma tempestade, e quando isso acontece, resolve salvá-la. E os dois acabam numa praia deserta.
Resolvem proseguir juntos, e ele logo encontra um jeito de obrigá-la a fingir que é mulher dele por causa dos aldeões desconfiadas. E o resto vocês podem imaginar.
Fora o fato de que ambos os personagens pensam ‘modernamente’ em um mundo medieval, achei a parte histórica até que bem fundamentada. Além disso, o romance entre os protagonistas até que é bonitinho (ok, é óbvio que ela é virgem, mas no contexto do livro isso faz sentido, vai), e, fora o fato de que ela é uma ruiva magrela e a morena gostosa é deixada de lado (tenho um problema com ruivas e eu sou morena), o livro é bem consumível. Fora o final que é irritante, com a heroína bixa porque não quer casar com ele se não as pessoas vão ter ainda mais motivos para chamá-los de bruxos (tipo… na Escócia? Alou??). No fim das contas até parei de ler, porque era muita enrolação (onde já se viu uma mocinha NÃO querer casar com o mocinho?), mas até aí, quem se importa com o fim, certo? Afinal de contas, é literatura despretensiosa, a sacanagem é bem escrita, o cara é bonitão e a moça é gente fina.

Pra ler no trampo, quando não tiver nada pra fazer, saca?

15 ideias sobre “Livro: Inocente Feiticeira

  1. Legal! Gosto de gente como vc: sem preconceito!!
    Tem uns blog excelentes, especializados em literatura de banca, com resenhas profissionais e toda a sorte de informações!
    Tente Romances in Pink, tem o link no meu sidebar:)
    Bjs

  2. Ah, eu adoro as mocinhas virginais da Hannah Howell. São livrinhos ótimos para relaxar!
    Gostei da sua sinceridade.
    Beijos de fada.
    Luka.

  3. Ai, entendi….pra ler quando não tiver MESMO nada melhor pra fazer, né? E, como sempreeeee há algo bom para se fazer, mesmo que seja só ouvir uma boa música e dançar pela casa, eu passo esse livrinho. hihihihihi

    beijinhos!

  4. Hahaha não consigo deixar de rir com a parte da ‘sacanagem bem escrita’, pq eu tb adoro e achava que só eu pensava assim.
    Esses livros não foram feitos para serem levados a sério. Fato.É diversão pura e simples.
    Mas de todo modo, um final pelo menos amarradinho não cai mal não é?

  5. Gostei da sinceridade 😉
    Adoro romances sobrenaturais e também não tenho muita paciencia com a melosidade e as mesmas cenas picantes sempre iguais rs
    bjo

  6. Ah, mas você começou por uma boa autora!!!
    Eu gosto desses livrinhos, mas em sua maioria são muito parecidos e é por esse motivo que eu gosto mais dos sobrenaturais, sempre tem uma coisa ou outra original…

    Bjs

  7. Adorei seu blog… os livro sao muito interessante.
    ja sou sua seguidora, quando puder de uma passadinha no meu blog

    bjux e otimo fim de semana!!!1

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *