Livro: Death of a Doxy

Doxy: substantivo. Mulher imoral, amante (fem), prostituta, mulher sexualmente promíscua. Gíria: mulher de gângster. Fonte: dictionary.reference.com

 

Archie vai fazer um favor ao seu colega de profissão Orrie Cather, e entra no apartamento abastado e rosa da amante dele, Isabel Kerr. Só que ela está morta, violentamente, e é claro que o principal suspeito é Orrie, que estava noivo de outra garota.

O grande detetive Nero Wolfe e seus ajudantes Saul Panzer e Fred Durkin decidem que Orrie não cometeu o assassinato, e decidem inocentá-lo.
Só que eles se deparam com duas dificuldades: 1) Isabel Kerr era mantida no apartamento rosa e abastado por um magnata da indústria (casado) que pagará fortunas para que seu nome não apareça nos jornais relacionado ao caso. 2) A irmã de Isabel também se recusa a deixar que todos saibam que Isabel é uma doxy, e não sabe se conseguirá seu intento ajudando Archie e Wolfe ou atrapalhando-os.

O livro é bem emocionante, já que o tempo todo os detetives estão numa guerra contra a polícia, para descobrirem a culpabilidade de outro elemento antes que Orrie seja definitivamente condenado.
Wolfe está em sua melhor forma, mesmo que sem um cliente pagante, Archie está divertido como sempre e a história seria só mais uma da lista se não fosse por uma personagem muito especial: Julie Jaquette, colega de Isabel nos bares onde dançavam.
O frescor e irreverência da moça deixam Wolfe tão desconcertado que ele chega a admirá-la, e quando isso acontece é sempre divertido.

Informações técnicas: Death of a Doxy (1966) de Rex Stout. Série Nero Wolfe nº 42

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *