Filme: Capitão Blood

O filme é mais um do famoso trio Olivia de Havilland + Errol Flinn e Basil Rathbone.
Peter Blood, um médico honrado, ajuda um dos rebeldes da guerra civil e por isso é preso e condenado à morte. Mas no dia da sua execução os “criminosos” são em vez disso enviados para serem escravos nas Índias Ocidentais, onde o médico conhece a formosa filha do seu dono, Arabella.
Quando piratas atacam a ilha de Porto Rico, onde ele está preso, Blood utiliza-se das suas habilidades de marinheiro aprendidas na juventude para tomar os navio dos atacantes e se tornar um dos mais temidos piratas do Caribe.
Algum tempo depois, Blood encontra seu maior inimigo, o pirata Levasseur (interpretado pelo vilão da vez, Basil Rathbone) que havia capturado Arabella logo antes, e ambos lutam por ela.
Apesar da moça manter que nunca ficará com um ladrão e pirata como Blood, ele resolve entregá-la de volta ao tio, em Port Royal, mas a cidade está sitiada pelos franceses. Essa pode ser a chance que Blood tem de reconquistar a ilha inglesa e ganhar o favor do novo rei.
O filme é um dos melhores exemplos dos filmes de aventura do início do século, e traz Errol Flinn no auge da fama, Olivia de Havilland maravilhosa (apesar de um pouco chata), um roteiro bonitinho e cenas de batalhas entre navios memoráveis para a época. Só a trilha sonora exagerada comum dos filmes naquele tempo acaba irritando um pouco, mas mesmo assim o filme ainda é referência para o gênero da pirataria e capa/espada. 
Capitão Blood (Captain Blood) – 1935
de Michael Curtiz
com Errol Flinn, Olivia de Havilland, Basil Rathbone

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *