Livro: Amante Consagrado

Olha só, todo mundo sabe que eu tenho preconceito contra virgens.
A autora da série tinha conseguido me fazer gostar dela por causa da Marissa (ela achando que ela tem algum problema com sexo porque a primeira vez foi ruim é muito fofo).

Mas daí ela foi lá e resolveu ser ser idiota com esse livro estúpido. Gente, sério. O que é pior do que uma virgem? DOIS VIRGENS JUNTOS.
Eu já passei por isso, sabe, e não tenho a MENOR vontade de passar por isso de novo. O bom da virgindade é que você perde uma vez só.

E aí a autora fica quase o livro todo dando voltas, porque o Phury, que passou a vida tentando salvar seu irmão gêmeo Zsadist da escravidão e depois da auto destruição, não sabe o que fazer da vida agora que Zsadist foi salvo.
Ele tem uma paixão platônica imbecil pela Bella, esposa do irmão. Ele é viciado em drogas (ok, essa é a única parte que justifica alguma cosia da personalidade dele). Aquele tal do Mago, que é tipo a consciência drogada dele, é de um nível de irritante que vai além, e atrapalha toda a vida dele. Ele fica prometendo fazer coisas que ele SABE que não vai fazer.
Enfim. Ele é um baita de um covarde. E ainda por cima virgem.

Aí, tem a Cormia. Que é escolhida pela Virgem Escriba pra ser a parceira do Primal – e gerar muitos filhinhos e ajudar com a continuidade da raça de vampiros.
Phury é o Primal. Cormia gosta do Phury. Então ela tem a difícil tarefa de dar prum cara por quem ela está apaixonada.
Mas como o Phury é um bosta que só quer saber de fumar droga e ficar chorando pela Bella, Cormia fica meio que sem saber o que fazer da vida, se achando a pior do mundo porque o Primal sequer olha pra ela.

Então, de um lado temos o Phury sendo o covardão, e de outro temos a Cormia sendo a complexada.
Ou sejE.
Fica difícil se interessar pela história dos dois.

Felizmente a autora não se fixa somente nesses personagens e temos cenas ótimas com outras pessoas, tipo o Rehvenge (que faz parte do meu Top 3 de brothers favoritos).
Então se você fizer que nem eu e ignorar as partes SONO com o Phury e a Cormia e fazer o foco nas pessoas legais, o livro funciona que é uma beleza.

E (SPOILER!) eu queria muito saber como vai ficar o futuro da raça dos vampiros, porque pelo jeito ninguém vai engravidar aquelas Escolhidas…

Título Original: Lover Enshrined (2008)
de J.R. Ward (EUA)
Série Irmandade da Adaga Negra Livro 6

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *