Filme: A Máscara do Zorro


Eu passei a infância assistindo aquela série da Disney com o Guy Williams que passava na Record. Então fiquei um pouco chateada quando descobri que o Diego de la Vega não era o personagem principal desse filme.

Mas o roteiro, a interação entre os dois Antônios, a mocinha e o clima de swashbuckling funcionam tão bem que essa questão foi mais do que perdoada.

Diego de la Vega resolve se aposentar quando filnalmente consegue fazer com que Zorro expulse o governador corrupto da Califórnia. O que ele não espera é que, antes de ser exilado para a Espanha, Dom Rafael, o governador, tente um último ato de vingança. Com uma tropa de guardas, Rafael invade a casa de Dom Diego, matando por acidente Esperanza, esposa de Dom Diego, por quem Rafael é apaixonado.
Os dois lutam, mas Diego, já ferido por causa de uma luta como Zorro, está em desvantagem, e é preso. Rafael taca fogo na mansão de Diego e vai embora, levando consigo a filhinha de Diego e Esperanza, Helena.

Anos depois, quando Dom Rafael volta para os Estados Unidos, Dom Diego escapa da prisão, com o intuito de matá-lo nem que seja para morrer junto. Mas com Dom Rafael vem Helena, agora uma moça bonita e gentil, que é crente que nasceu na Espanha e é filha de Rafael e Esperanza.

Diego, desolado, fica sem saber o que fazer; conhece o jovem Alejandro bêbado numa taberna, jurando vingança contra o capitão de Rafael que assassinou seu irmão. Acontece que, lá na época áurea do Zorro, Alejandro, moleque, ajudara o herói, ganhando um medalhão em troca. Diego reconhece o medalhão e resolve treinar Alejandro para ser o novo Zorro e acabar com o plano de Dom Rafael de transformar a Califórnia num estado independente.
Mas é claro que Alejandro e Helena vão acabar se conhecendo e…

Aparte ser Antonio Banderas o Zorro perfeito e Catharine Zeta Jones estar mais linda do que nunca – se não me engano foi aqui que ela ficou famosa de verdade, – o filme não se leva a sério, querendo simplesmente ser uma aventura pipoca. Isso faz com que a experiência de assisti-lo sera não só deveras agradável como enormemente divertida.
Um dos meus filmes favoritos no mundo inteiro.
E “o que” é essa cena da luta?? *ai ai*





A Máscara do Zorro (The Mask of Zorro) – 1998
de Martin Campbell
com Antonio Banderas, Catherine Zeta-Jones, Anthony Hopkins

3 ideias sobre “Filme: A Máscara do Zorro

  1. AI MEU DEUS!!!!!!!!!!!!! O/

    eu assisti esse filme exatas 439 vezes. não tô zoando. eu gastei a minha fita que eu tinha dele. eu tenho a trilha sonora. só no cinema fui 4 vezes.

    minhas fantasias adolescênticas de 13 anos virgens de idade eram SEMPRE com o Antônio Zorro Banderas. Ay dios mio, me acuda!

    esse filme é demais.

  2. Amo! E assino embaixo de tudo.

    Não consigo pensar em nada ruim sobre o filme. Atores perfeitos em seus papéis, história ótima!

    beijo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *